Receba nossas informações!

Para medir o retorno sobre o investimento na gestão de pessoas

7 de setembro de 2015, às 16:56

Por Letícia Arcoverde

O termo “retorno sobre investimento” está na boca de executivos de todo o mundo quando se fala de um assunto delicado: quais programas e práticas devem ter prioridade no orçamento da empresa. Desde a década de 1970, o criador da metodologia ROI (Return On Investment), Jack Phillips, acompanha práticas de avaliação e medição de resultados em companhias por meio do trabalho como presidente do conselho do ROI Institute – que certifica profissionais para implementar a metodologia e faz serviços de consultoria. Seu próximo passo é expandir os negócios no Brasil.

Para isso, o ROI Institute firmou uma parceria com a empresa brasileira de educação Affero, que no segundo semestre vai começar a oferecer os mesmos serviços do instituto no país, como o curso de cinco dias que certifica especialistas na metodologia, consultorias em empresas e workshops mais curtos. Segundo Phillips, a metodologia é usada atualmente em pelo menos cinco mil organizações, em mais de 60 países. Nos Estados Unidos, mais da metade das empresas da Fortune 500 implementaram o método de Phillips, que também é adotado por quase 20 agências da ONU.

O engenheiro, que também é formado em física e matemática e possui doutorado em gestão de RH, conversou com o Valor em recente visita ao país. Seus planos são ambiciosos. Segundo Phillips, o instituto, que já trabalhou com cerca de dez empresas do Brasil ao longo dos anos, quer chegar a cem clientes até o fim de 2014. Ele também quer certificar mais 50 profissionais na metodologia – atualmente há cerca de 20 no país, além de lançar uma edição em português do livro “The Value of Learning”, escrito por Phillips e sua esposa Patricia, atual presidente do instituto. A versão vai incluir casos de empresas brasileiras.

O artigo completo está disponível no site 4 Mail.